Em busca da vitória em um torneio que nunca venceu, Nadal usou seu poderoso serviço para superar Rublev, sem sofrer qualquer pausa

O tenista espanhol Rafael Nadal, número dois do ranking mundial, venceu, neste domingo, o estreante russo Andrey Rublev, oitavo na hierarquia, por 6-3 e 6-4, em encontro relacionado à jornada inaugural das finais da ATP , em Londres .

Em busca da vitória em um torneio que nunca venceu, Nadal, de 34 anos, aproveitou seu poderoso serviço para superar Rublev, de 23, sem sofrer nenhuma quebra e impediu o serviço do russo duas vezes (uma em cada set) “), se aproximando de uma vaga na semifinal -finais.

Na partida inaugural do grupo ATP Finals London2020, o austríaco Dominic Thiem, 27, derrotou Stefanos Tsitsipas, 22, e “vingou” a derrota sofrida na final de 2019, em que o grego foi coroado o campeão mais jovem da corrida desde 2001.

Na O2 Arena, em Londres, Thiem, terceiro na hierarquia mundial e vencedor do US Open em setembro, impôs-se ao grego, sexto no “ranking”, pelos 7-6 (7-5), 4- 6 e 6 parciais -3.

No ano passado, o austríaco, que conquistou seu primeiro “Grand Slam” nos Estados Unidos, perdeu o título do torneio, que reúne os oito melhores do mundo, para os gregos, pelas parciais de 7-6 (8-6), 2-6 e 6-7 (4-7).

No grupo Tokyo1970, o sérvio Novak Djokovic, líder da hierarquia, o russo Daniil Medvedev, quarto colocado no “ranking”, o alemão Alexander Zverev, sétimo, e o argentino Diego Schwartzman, nono na classificação mundial, que conseguiu colocar na competição devido à ausência, por lesão, do suíço Roger Federer.

A competição, que acontece a portas fechadas devido à pandemia covid-19, marca o fim da temporada.

By Patricia Joca

"Professional troublemaker. Friend to animals everywhere. Social media expert. Dedicated analyst. Amateur entrepreneur."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *