Marc Márquez conquista a pole no GP de Portugal após sensacional volta final, gerente de treinos Jack Miller sofre queda

Marc Márquez conquistou a pole position no Grande Prêmio de Portugal de MotoGP após uma excelente performance na qualificação que estabeleceu um novo recorde de volta no processo.

O piloto de 30 anos subiu do último lugar no Q2 para a pole position em sua última volta, coroando duas excelentes corridas de qualificação.

O sensacional tempo do piloto da Respol-Honda de 1m37,226s foi 0,064s mais rápido que Francesco Bagnaia, da Ducati, enquanto Jorge Martin, da Prima Pramac Racing, foi terceiro, 0,228s atrás.

Grande Prêmio de Portugal

Bagnaia garante vitória no sprint na abertura da temporada de MotoGP em Portugal

13 HORAS ATRÁS

Após sua vitória na qualificação, Márquez disse à BT Sport: “O foco principal era passar do Q1 para o Q2, mas vimos que os novos pneus eram bastante fortes e o tempo da volta era bom.

“Estávamos muito à frente e fizemos uma volta incrível, mas temos que manter a calma porque esta tarde e amanhã será muito importante.

“Isso nos dá uma vantagem para a corrida. Sabemos que não podemos lutar pelo pódio porque não temos ritmo, mas vamos tentar seguir os pilotos da Ducati que são muito fortes.”

Márquez e Miguel Oliveira avançaram para o Q2 depois de registrar os tempos de volta mais rápidos no Q1 em um início emocionante para a qualificação.

Foi uma recuperação ideal para Márquez, que foi forçado a sobreviver ao Q1 depois de cair nos dois minutos finais do treino de sexta-feira.

Marc Marquez, Oliveira, Alex Rins, Alex Marquez e Joan Mir foram os grandes nomes que participaram do Q1 e parecia uma dobradinha de Marquez antes de Oliveira separar os irmãos com uma excelente última volta na primeira corrida de qualificação. Ele seria o quarto no Q2.

Oliveira vai começar a corrida especial no topo da segunda fila, enquanto foi uma queda literalmente dramática para o líder dos treinos de sexta-feira, Jack Miller.

Fora isso, foi uma manhã decepcionante para Fabio Quartararo (Yamaha) e Aleix Espargaró (Aprilia), que terminaram em 11º e 12º, respectivamente.

Também foi confirmado que o piloto da GASGAS Tech3, Pol Espargaró, não participará de todo o fim de semana da corrida depois de sofrer lesões nas costas, mandíbula e pulmões em uma terrível queda nos treinos de sexta-feira.

As atenções agora se voltam para a primeira corrida de velocidade do MotoGP, que começa às 15:00, hora do Reino Unido, onde estão os resultados da qualificação de sábado, juntamente com a corrida principal de domingo.

Grande Prêmio de Portugal

Miller lidera treinos do GP de Portugal com vários pilotos sofrendo quedas

ONTEM ÀS 17:43

Grande Prêmio de Portugal

“Não somos concorrentes hoje” – Márquez acredita que a Honda ainda não virou a esquina

ONTEM ÀS 11:54

By Patricia Joca

"Professional troublemaker. Friend to animals everywhere. Social media expert. Dedicated analyst. Amateur entrepreneur."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *