UMA Estação Espacial Internacional recebeu seus primeiros visitantes em 2 de novembro de 2000. Nos últimos 20 anos, é o lar de vários astronautas de todo o planeta, que registram um extraordinário cotidiano na região. espaço.

Milhares de fotos detalhadas do planeta A Terra foi tirada neste período, capturando ângulos e perspectivas de nosso mundo que nunca tivemos a oportunidade de ver antes. Além disso, as pessoas que por ali passaram guardam histórias, curiosidades e fatos inusitados que só são vivenciados quando se vivem 400 quilômetros acima do continente.

Reprodu

Fotografia de Veneza, Itália, gravada do espaço. Foto: Nasa / Divulgao

As missões humanas no espaço acontecem há mais de meio século. Yuri Gagarin, primeira pessoa a ser lanada em rbita, registrou seu encantamento pelo que viu em um pedido de preservação da Terra em meio às tensões da Guerra Fria: “Orbitando a Terra na nave, vi como é lindo o nosso planeta. Pessoal, vamos preservar e aumentar essa beleza, não destruí-la ”.

Reprodu

Lago Mirim, que marca a fronteira do Brasil com o Uruguai, visto do espaço. Foto: Nasa / Divulgao

Steve Swanson, que participou de várias perdas espaciais pela NASA, ele compartilha que os detalhes cotidianos de sua vida mudaram por viver em gravidade zero. “A primeira coisa que realmente notei foi que eu era uma pessoa desajeitada no espaço. Eu não consigo me mover bem. Demorou um pouco para sentir que ele era um idiota ”, disse ele, com bom humor.

J Mark Vande Hei comenta que até a simples tarefa de digitar em um computador pode ser perigosa no espaço: “A primeira vez que tentei digitar no teclado, me lancei no teto”.

Reprodu

Terra vista da Estação Espacial Internacional. Foto: Nasa / Divulgao

No entanto, a experiência mais poderosa e complexa vivida e relatada pelos astronautas foi a visão de Terra do espaço. Muitos compartilharam que seu instinto inicial foi procurar lugares conhecidos: seu país, sua cidade natal ou uma região específica que signifique algo em sua vida. Ao mesmo tempo, ao olharem de forma ampla a paisagem do planeta, perceberam a imensidão do lugar que guarda toda a história da humanidade.

Reprodu

Vista do Lago Powell, EUA, do espaço. Foto: Nasa / Divulgao

Michael afirmou que, vendo o Terra até agora, procurava lugares familiares: “onde cresci, onde estudei, de onde vieram os meus pais”. Porém, quando viu o planeta inteiro, teve outra perspectiva: “tudo se resumiu ao grande ângulo, onde toda a história humana aconteceu”.

Fonte: Business Insider

By Gabriel Ana

"Passionate student. Twitter nerd. Avid bacon addict. Typical troublemaker. Thinker. Webaholic. Entrepreneur."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *