O WhatsApp começou a dificultar a vida de quer gosta de compartilhar correntes de mensagens no Brasil adotando um limite máximo de 5 contatos para este tipo de ação.

O recurso começou a ser implementado na índia visando a contenção de boatos que estavam causando linchamentos e assassinatos por lá. No Brasil o problema é politico: sobram acusações de que o mensageiro foi usado para campanhas de difamação e disseminação de notícias falsas, as fake news. Uma apuração da Folha de São Paulo chegou a indicar que empresários poderiam estar financiando disparos pelo mensageiro visando afetar candidaturas, e uma investigação foi aberta pela Polícia Federal.

A medida é muito bem vinda, e deverá burocratizar a vida das redes de boataria, como algumas que já foram desligadas no Brasil recentemente. Porém, ainda há uma grande brecha: as listas de transmissão, que permitem o disparo para até 256 contatos ao mesmo tempo, seguem funcionando com esse número enorme de destinatários.

O recurso está sendo liberado aos poulos, logo se você gosta de compartilhar correntes, terá de escolher seus contatos favoritos para isso.