uso indevido de tecnologia

Garantir o bem-estar mental, físico, psicológico e social das crianças tornou-se um dos maiores desafios para os pais com o avanço da tecnologia. Como disse certa vez o historiador Christian Lous Lange, “a tecnologia é um servo útil, mas um mestre perigoso”, sugerindo que, embora a tecnologia desempenhe um papel indispensável, ela também tem um impacto significativo nas crianças.

Sem dúvida, a tecnologia tem vantagens e desvantagens e suas vantagens só podem ser percebidas se usadas com sabedoria, caso contrário, suas consequências podem ser prejudiciais. Como diz o ditado, “Tudo em excesso faz mal.” Pesquisas mostram que crianças de 8 a 10 anos gastam em média quase 8 horas por dia usando várias mídias, enquanto crianças mais velhas e adolescentes gastam cerca de 11 horas por dia usando mídia e, assim, excedendo o tempo que passam na escola. Esta pesquisa mostra que a maioria dos adolescentes usa a tecnologia imprudentemente, resultando em notas mais baixas. Isso sugere uma relação inversa entre tecnologia e educação. É impossível eliminar completamente a tecnologia de nossas vidas, mas a gravidade desse problema pode ser atenuada implementando as sugestões a seguir.

Em primeiro lugar, limitar o tempo que as crianças passam usando a tecnologia e restringir o acesso a determinados aplicativos. Educar as crianças sobre os prós e contras da tecnologia e informá-las claramente de que o uso imprudente da tecnologia pode ter um impacto negativo em suas carreiras futuras. Transmita programas semanais destacando como a tecnologia pode ser usada de forma eficiente para maximizar seus benefícios.

ALI RAZA JAMALI,

Shaheeed Benazirabad.

By Carlos Henrique

"Introvertido amigável. Estudante. Guru amador de mídia social. Especialista em Internet. Ávido encrenqueiro."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *