Protótipo de smartphone com suporte a 5G da MediaTek precisa de cooler para refrigeração

O ano de 2019 será marcado pela chegada da nova tecnologia de comunicações, o 5G, e de novos aparelhos compatíveis, enquanto isso não chega, as empresas vão demonstrando o estado atual da tecnologia com protótipos como o exibido pela MediaTek que conta com uma curiosidade: ventoinhas para refrigeração.

O protótipo obviamente não agradou muito, tanto pela sua cor (azul) quanto pela possibilidade de enfrentar grandes temperaturas, optando por uma ventoinha para se refrigerar, já pensou você andando na rua com um barulho de ventilador no bolso?

É claro, o aparelho se trata de um protótipo, e não deverá ser o visual final dos dispositivos que utilizem o M70 para o 5G. O produto final sempre tem um foco maior em visual e experiência de uso que não existe em um protótipo cuja única função é mostrar que uma tecnologia funciona. A própria MediaTek diz que, quando chegar ao mercado, haverá um maior cuidado com estética quando os dispositivos comerciais chegarem, dando origem a um modem que consome menos energia e, consequentemente, não precise de uma refrigeração tão parruda.

Existe uma expectativa de que os primeiros aparelhos compatíveis com o 5G precisarão ser maiores ou mais espessos para comportar maiores baterias e alternativas de refrigeração. Isso porque existe uma expectativa de que esses celulares consumam mais bateria do que os aparelhos 4G por um motivo simples: eles precisarão ser compatíveis tanto com o 4G quanto com o 5G, porque as novas redes ainda serão escassas.