A Huawei perdeu sua parceria com a Google após uma decisão do presidente norte-americano Donald trump, sendo assim a empresa está se preparando para o lançamento de um sistema operacional próprio e que pode substituir o Android em seus smartphones.

Segundo o site Financial Times, Tim Watkins, vice-presidente de operações da Huawei na Europa Ocidental, confirmou a intenção da fabricante, o executivo também comentou que o novo sistema operacional já foi testado em algumas partes da China.

Para reforçar ainda mais os planos da chinesa, Yu Chengdong, chefe dos negócios para consumo, também reforçou que a Huawei tem tudo para criar uma plataforma completa unindo hardware e software:

A Huawei sempre insistiu em criar competências para construir os seus próprios chips, insistindo em usar e distribuir os próprios processadores. Além de seus próprios componentes de hardware, já existem recursos básicos para um sistema operacional.

Mesmo se tratando de um possível plano B a Huawei ainda não deu uma previsão de quando pretende anunciar seu sistema próprio, que atualmente é chamado de “HongMeng OS”.