Galaxy J6 vendido na Índia é mais potente que no Brasil

Parece que a Samsung anda capando alguns aparelhos que trouxe para o Brasil, é o caso do Galaxy J6, contendo 2 GB de memória RAM e 32 GB de espaço interno, custando R$ 1.299. Entretanto, na Índia, as versões do aparelho trazem especificações mais robustas e preço ainda mais atraente se comparados ao vendido por aqui.

A versão do Galaxy J6 com  4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento está sendo vendida por um valor aproximado de U$ 310 (R$ 1.200), um preço menor que a versão com metade da memória e do armazenamento que é vendida aqui no Brasil.

Mesmo tendo outras opções de smartphones da Samsung com as mesmas especificações sendo vendidos por aqui, ambos são países emergentes e o público precisa ser tratado da mesma forma algo que a empresa acaba não fazendo nesse sentido, então essa diferenciação acaba sendo desrespeitosa com a nossa população, confira abaixo as especificações de ambos os aparelhos:

Galaxy J6 (índia)

  • Tela HD+ de 5.6 polegadas, Super AMORLED e com proporção 18,15:9
  • Chipset Exynos 7870
  • Processador de oito núcleos com clock máximo de 1.6GHz
  • 4 GB de RAM
  • 64 GB de armazenamento interno
  • Memória expansível até 256GB via cartão microSDCâmera traseira de 13MP com flash LED e abertura f/1.9
  • Câmera frontal de 8MP com flash LED e abertura de f/1.9
  • TV Digital
  • Leitor de impressão digital
  • Dual SIM
  • Bateria de 3.000mAh
  • Android 8.0 (Oreo) rodando sob a interface Samsung Experience

Galaxy J6 (Brasil)

  • Tela HD+ de 5,6 polegadas Super AMOLED e com proporção de 18,5:9
  • Chipset Exynos 7870
  • Processador de oito núcleos com clock máximo de 1.6GHz
  • GPU Mali T830
  • 2 GB de RAM
  • 32 GB de armazenamento interno
  • Memória expansível até 256GB via cartão microSD
  • Câmera traseira de 13MP com flash LED e abertura f/1.9
  • Câmera frontal de 8MP com flash LED e abertura de f/1.9
  • TV Digital
  • Leitor de impressão digital
  • Dual SIM
  • Bateria de 3.000mAh
  • Android 8.0 (Oreo) rodando sob a interface Samsung Experience

O mesmo acontece e já aconteceu com outras marcas como a LG que touxe o LG G5 totalmente capado ao Brasil, será que esta mudança é realmente necessária?

Através da FoneArena