A Apple anunciou há algum tempo a compra da plataforma de reconhecimento de musicas Shazam por cerca de U$$ 400 milhões, algo em torno dos R$ 1,6 bilhão em cotação atual, após ter recebido a aprovação da comissão antitruste da União Europeia no começo deste mês, a empresa veiculou hoje, em seu site oficial, que concluiu a compra do serviço. Além disso, informou que em breve todos os usuários do app não verão mais anúncios, tendo sua experiência melhorada.

“A Apple e o Shazam têm uma longa história juntos… Com um amor compartilhado por música e inovação, estamos empolgados em reunir nossas equipes para oferecer aos usuários ainda mais maneiras incríveis de descobrir, experimentar e curtir música.”, disse Oliver Schusser, vice-presidente do Apple Music.

O Shazam é um dos mais famosos quando o assunto é o reconhecimento de musicas, a plataforma tem mais de 1 bilhão de downloads registrados e mais de 20 milhões de usuários diários.

O verdadeiro preço da aquisição não foi divulgado pela Apple, a empresa também não divulgou sobre quais suas intenções com relação ao App, mas ao que tudo indica o foco da empresa é trazer mais usuários para o seu serviço de streaming de músicas, o Apple Music. Com atitudes como a anunciada hoje – removendo em breve os anúncios da interface, as expectativas para o futuro da plataforma são as melhores possíveis.