Recentemente o mundo digital ficou espantado ao ser descoberto um sistema que permitia a mineração de criptomoedas ao se abrir um site na web, e pelo visto os smartphones também não escaparam dessa prática. Novas descobertas feitas pela Trend Micro revelaram que alguns apps disponíveis na Google Play Store estão usando uma injeção de código para minerar criptomoedas nos aparelhos de quem instalar os softwares.

Os apps podem ser conferidos na imagem abaixo, ambos utilizam JavaScript Coinhive para ativar a mineração, e geraram em torno de 170 dólares em lucros para um dos desenvolvedores durante um período indeterminado, segundo as análises de algumas amostras da companhia.

Assim que a notícia chegou a Google ela realizou a remoção dos aplicativos de sua loja, mesmo assim, isso fica como uma lembrança preocupante de que nossos smartphones nunca estão 100% protegidos.

  • Tom

    Vou instalar esses apps num j1 mini, quero ver conseguirem em minerar algo 😁😁

  • Jairo 🤪🍺

    Bem, pelo menos a Google tomou uma ação rápida desta vez , coisa rara.